Primeiro investimento em BITCOIN - Papai na Bolsa

Adsense (Abaixo Cabeçalho)

Adsense Início do Post

quarta-feira, 13 de fevereiro de 2019

Primeiro investimento em BITCOIN

Nessa postagem vou compartilhar com vocês o meu primeiro investimento em bitcoin, contar os motivos pelos quais esta criptomoeda entrou na carteira do Papai e lhes dar as informações necessárias caso queriam comprar também.

DA PRIMEIRA IMPRESSÃO À COMPRA DE BITCOINS:

Quando me dei conta da existência desta moeda digital o primeiro sinal foi de descrédito absoluto, mas para surpresa total em pouco tempo pude constatar a sua valorização exagerada. Um dia a cotação no Brasil de um bitcoin era de cinco mil, logo depois trinta mil, até ultrapassar o limite de sessenta mil reais.

O sentimento em seguida foi de indignação:

Por quê eu não comprei antes!?


O passo seguinte foi ver a desvalorização da moeda, que atualmente está cotada em aproximadamente R$ 13.000,00 (treze mil reais).


Eis que um provérbio chinês me alerta para a situação:

“A melhor época para plantar uma árvore foi há 20 anos. O segundo melhor momento é agora.”


Então, para mim, agora era o momento certo.



OS MOTIVOS DA AQUISIÇÃO DE BITCOINS:

Todos sabemos que o mundo está se tornando cada vez mais dependente da internet e não é de surpreender que o Bitcoin, uma moeda digital, desperte o interesse dos investidores, oferecendo a oportunidade de mergulhar em uma classe de ativos totalmente nova.


No primeiro momento, parece ser assustador investir em Bitcoins, mas com tempo e paciência podemos entender como ele funciona.

O que torna o bitcoin valioso é o fato de que ele é escasso e útil. Escasso porque cada vez fica mais difícil extraí-los e é útil, pois podem ser enviados para qualquer lugar do mundo, tornando-se uma moeda global, que não é afetada pela situação financeira ou estabilidade econômica de um único país.

O preço do bitcoin é definido pelo que as pessoas estão dispostas a pagar. Apesar de ser mostrado o custo de um bitcoin, as trocas permitem que você compre qualquer quantia, inclusive menos de um bitcoin.

No meu caso, eu comprei o valor equivalente a 20% de um bitcoin. Era uma grana que estava reservada para uma finalidade, mas acabou sobrando e o resultado foi aumentar a diversificação dos investimentos, comprando a mencionada criptomoeda.

A cotação do bitcoin no dia que efetuei a compra era de R$ 12.600,00 (doze mil e seiscentos reais).

COMO COMPRAR BITCOINS:

A compra da criptomoeda foi realizada através de uma exchange da XP investimentos, chamada de Xdex.

A sua maior crítica pelo que pesquisei é que a Xdex não permite que os clientes façam depósitos ou retiradas de ativos digitais.

Você só pode investir ou sacar em reais.
Na minha opinião este é um fato simplório, pois só pretendo comprar e vender os bitcoins, sendo a sua transferência um ponto acessório.

Você abre uma conta facilmente pelo aplicativo e realiza a transferência bancária identificada pelo CPF da mesma titularidade através de DOC ou TED.

Saiba desde já que para fazer o resgate do valor (sempre em reais), o cliente paga uma taxa de 0,9 do valor a ser resgatado mais a quantia de R$ 7,90.

CONCLUSÃO:

O investimento em bitcoin se mostra como uma boa opção para diversificação de investimentos. Contudo, a situação financeira de cada pessoa é única e investir em criptomoedas é muito arriscado e especulativo.

Lembre-se que este investimento deve ser encarado como qualquer outro, com os riscos que lhe são inerentes.

Seja prudente com o seu dinheiro e ótimos investimentos.

Abraço.

@papainabolsa.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Adsense Final do Post