Postagens

Mostrando postagens de Junho, 2018

INVESTIMENTO EM IMÓVEIS.

Imagem
Olá amig@s,

Tradicionalmente sabemos que o investimento em imóveis traz grande expectativa de retorno.

O setor imobiliário há cinco anos atrás ainda estava bastante aquecido e valorizado.

Neste período eu adquiri um lote, no tamanho de 360 m (12 × 30), em um condomínio da minha cidade pelo valor, à vista, de noventa mil reais.

A compra foi motivada pela possibilidade de grande valorização do empreendimento, levando-me a crer que poderia até dobrar o valor do capital investido.


Esqueci de levar em consideração tudo que estava por trás deste tipo de investimento e esta opção não se revelou nem um pouco rentável.

Pouco tempo após o negócio o setor imobiliário entrou em colapso.

O país enfrentou uma severa crise financeira e política, impactada por queda da renda e aumento do desemprego da população.

Apesar do investimento em imóveis ser considerado de baixo risco ele pode resultar em altos prejuízos para o investidor. Veja:






Desde então o preço do bem se manteve congelado e devido a…

Psicologia do mercado financeiro.

Imagem
Oi Amig@s,

Em recente leitura do livro de Alexander Elder, "Como se transformar em um operador e investidor de sucesso", resolvi elencar os principais pensamentos sobre a psicologia do mercado financeiro para um gestão lucrativa.

Antes de mais nada, é preciso saber que o nosso estado emocional interfere diretamente nos nossos negócios e investimentos.

Devemos ter consciência do nosso estado psicológico antes de operar no mercado para evitar a autosabotagem.


Quem busca comprar e vender ações por impulso, como se fosse um jogo, assumindo riscos desnecessários tem grande chance de sofrer perdas e terminar no prejuízo.

Neste momento não adianta culpar os outros ou atribuir o fracasso a falta de sorte.

O mais importante é assumirmos a nossa responsabilidade e buscar o aprendizado com os erros para não mais repeti-los.

Muitas pessoas deixam o mercado por nao estarem preparados, inclusive para os lucros.

Existe verdadeira cobiça pelos ganhos e excessivo medo pelas perdas.

O …

O QUE DESCOBRI SOBRE TOPOS E FUNDOS

Imagem
Olá amig@s,

O notável princípio ou a super dica de quem inicia os investimentos no mercado financeiro se resume no seguinte conselho:


Tão simples, não? NÃO!

Na teoria, deveríamos comprar a ação quando atingisse o seu fundo e vender quando alcançasse o seu topo.

Trocando em miúdos, topos e fundos são pontos extremos no gráfico de um ativo, sendo o primeiro o valor mais alto no qual a ação parou de subir e o fundo a extremidade mais baixa no qual a ação parou de cair.

Esta correta identificação faz parta da análise técnica das ações, a qual visa identificar as suas tendências.

Particularmente, não entendo bulhufas de análise técnica.

Mesmo assim já me arvorei e quebrei a cara algumas vezes em achar que determinado ativo não podia cair mais do que aquele preço. MAS CAIU!!

Na maioria das vezes que tentei comprar a ação no suposto fundo errei a previsão.

Por outro lado, sempre que ela iniciava o movimento de alta acabava por vender antes do tempo, muitas vezes na insegurança de que vo…

Investir para realizar sonhos

Imagem
Olá amig@s,

Neste post, vocês vão descobrir que foram dados os primeiros passos de um plano familiar, motivado na ideia de investir para realizar sonhos.

Mas antes, vamos combinar que o momento não é um dos melhores na bolsa de valores.

A grande maioria das ações do índice bovespa estão despencando e o futuro do país está desembocando em incertezas, motivo pelo qual a minha opção, no momento, é só ficar observando.

Vários ativos despencaram mais de 10% no dia de hoje, 07/06/18, em um cenário pior do que o Joesley day no ano passado, em 18/05/17, revelando uma situação de verdadeiro pânico no mercado.

Sendo assim, qualquer alteração na carteira de ações pode resultar em compras ou vendas precipitadas, as quais, via de regra, nos dão prejuízos.

Não gosto nem de ouvir esta palavra. Então:






Vamos desviar o foco dos investimentos para tratar de um assunto pessoal.

Sempre relatei para vocês que o objetivo das economias visava um sonho.

Confere aqui neste primeiro post do ano de 2018.

E…

Mudança de planos: BUY AND HOLD.

Imagem
Oi amig@s

Tudo voltando ao normal após a paralisação dos caminhoneiros e para não sair da rotina, estou aqui escrevendo sobre investimentos e, repentinamente, me dei por conta neste mês de uma mudança de planos e da estratégia buy and hold.

Mas antes

Outro dia ouvi um comentário que para mim foi a tradução deste maio:

"Não foi difícil, mas também não foi fácil"


Na renda fixa aportei cerca de quatro mil reais e o tesouro selic me retornou algo em torno de 0,48% do capital investido.

A novela mexicana, ficou por conta da renda variável e também do meu comportamento sardinha.

É impressionante como a volatilidade da bolsa ainda mexe com o meu humor.

Percebam, então, que passei os últimos dias mau humorado.

As vendas precipitadas, ou não, me deram um prejuízo aproximado de R$ 400,00.

Alguns ativos antigos na carteira e lateralizados estavam me incomodando, motivo pelo qual foram vendidos.

Estou falando da JBSS3 e também da SAPR4.

No seus lugares nada de novo entrou.

Fiquei…

Ainda é cedo para sair! Já conferiu AS MAIS LIDAS?

Mais lidas

Imposto de renda: rendimentos isentos e não tributáveis na venda de ações

Últimas operações na carteira de acões

Planilha x Imposto de renda