Da série: MIMIMI de um investidor - Papai na Bolsa

Adsense (Abaixo Cabeçalho)

Adsense Início do Post

quinta-feira, 25 de abril de 2019

Da série: MIMIMI de um investidor


Parafraseando Raul Seixas: “Eu devia estar contente porque tenho um emprego, sou dito cidadão respeitável e ganho quatro mil cruzeiros por mês...”

Eis a grande diferença entre SER e DEVER SER.

Na procura pelos motivos da falta de humor encontro algumas justificativas.

Não sei se acontece com vocês, mas eu fico mal humorado quando tenho que pagar alguma coisa.

Até a feira do supermercado, ao ver o valor na tela do monitor e antes de passar o cartão de crédito o meu estado psíquico muda para pior.

Esta semana, precisamente hoje, é dia de pagamento da construtora pela obra.

Então, já viu a cara feia do Papai!?

Mas não é só isso, estes dias não participei dos treinos de natação devido a uma gripe que me acometeu logo após tomar a vacina.

Certamente, já estava com a imunidade baixa.

Além do mais o trabalho está corrido como sempre e os precessos judiciais depois que foram informatizados parece que foram multiplicados pela décima potência.

Estou lendo um livro bom, mas triste: O último sopro de vida de Paul Kalanithi. 

Agora vai o desastre de tudo: a teimosia de insistir em um erro conscientemente.


Ando iludido, procurando alguma ação barata para obter ganho fácil. 

Eu ainda perco tempo lendo fóruns do guiainvest, advfn, bastter. 

Os comentários para uma mesma empresa são os mais variados possíveis. Uns dizem "_Essa daí faliu, só compro quando chegar a um real", Já para outros "_Essa é a oportunidade de encher o carrinho. Tô comprando aos quilos".

As ações que estão no meu radar são as mais arriscadas e especulativas que podem existir. 

O critério é preço baixo e alto potencial de valorização no curto prazo. 

São elas:

 ATOM3, HBOR3, TCSA3, POSI3, FHER3, OIBR3, PMAM3. 

Algumas das listadas, inclusive, em recuperação judicial. 

Mas, realmente, estou mal intencionado e, no fundo, sei que vou fazer merda. 

Não entendo, mas tenho a capacidade de prever que estou fazendo a coisa errada e, ainda assim, simplesmente fazer. 

As consequências são outros MIMIMIs.

Até a próxima e grande abraço.

9 comentários:

  1. Rapaz....para mim gastar, pagar, sacar....é tudo sinônimo de pavor rsrs
    Quero saber é de ser frugal e aportar!
    Boa sorte nas suas intenções, eu não entendo disso ainda para lhe dizer algo kkk
    abraço

    ResponderExcluir
  2. Olá Semeador,

    Você matou a charada!! A palavra certa é pavor... rsrs
    Pelo visto estamos juntos no mesmo barco da frugalidade.
    Sucesso nos aportes e grande abraço.

    ResponderExcluir
  3. Olá, PNB,

    Eu também não gosto de pagar, mas sou obrigado. kkkkkkk.
    Só lixos listados (as ações). Nesse caso é só especulação?

    A fonte ficou muito pequena para ler através do PC.

    Abraços!

    ResponderExcluir
  4. Oi Cowboy,

    A gente paga porque é o jeito kkkkk
    O plano é escolher uma das ações (lixo) por mera especulação. Vai que cola!
    Atualizei a fonte do texto.
    Obrigado pela dica.
    Abraço. #TMJ

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Por que rotula TCSA3 como lixo, gostaria de saber?
      Abraço.

      Excluir
  5. "Até a feira do supermercado, ao ver o valor na tela do monitor e antes de passar o cartão de crédito o meu estado psíquico muda para pior."
    Pensei que era só eu...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sr. Disciplina,
      "Pensei que era só eu..."
      Ri muito (alto) com o seu comentário.
      Até então eu também achava que era o único a pensar desse jeito.
      Gde abraço.

      Excluir
  6. Oi papai, vc ainda não percebeu que quanto mais stress pior qualidade de vida?
    A mudança de humor é um castigo que você da a sí mesmo. Vai criar realidade ruim, e pior a qualidade de vida.
    E não se esqueça, os filhos copiam sempre os mesmo passos dos pais, então não se espante se um dia o seu filho apresentar os mesmos comportamentos.

    Vlw. Abraço

    ResponderExcluir
  7. Olá Daniel, o seu comentário enriquece o debate. Todos sabemos e buscamos qualidade de vida, sem stress. Mas, na prática, acabamos nos aborrecendo com fatos do cotidiano.
    Cabe a cada um de nós buscar conhecimento, maturidade e dar os melhores exemplos para as nossas crianças.
    Sigo, com erros e acertos, tentando melhorar dia após dia.
    Valeu. Abçs

    ResponderExcluir

Adsense Final do Post